Esta minha poesia // Simples, como o meu valor // São os sopros da magia // Com que descrevo o amor !!! JFC
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Este site contém versos // De variado sabor // São sentimentos dispersos / Refletindo a minha cor !!! JFC
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Blogue especialmente dedicado à minha filha *Marta Castro *a razão da minha vida *
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Marés de amor

---
Silêncio que faz lei na lei dum tempo
Marcado pela lei que o amor venera
Silêncio que desperta o encantamento
Dum corpo feito fogo à minha espera

Um corpo que me è dado conhecer
Na hora em que a paixão por mim clama
Feitiço que me faz amanhecer
Nas ondas desse mar da nossa cama

Um mar onde não há perigo maior
Apenas tempestade apetecida
Um mar aonde a nau do nosso amor
Navega em direção ao cais da vida

No cais somos barquitos de brincar
E temos todo o futuro controlado
Na hora do silêncio navegar
Voltamos às marés do nosso agrado

08 Outubro 2015

Sem comentários: